• Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio

ainfo 210409 BTinovaO projeto BTinova 2.0 é uma iniciativa conjunta da Associação Empresarial de Amarante (AEA) e da Associação de Municípios do Baixo Tâmega (AMBT) que mereceu, recentemente, a aprovação do programa de financiamento NORTE 2020, ao Sistema de Ações Coletivas – Qualificação, o qual permitirá continuar a promover o Roteiro de Enoturismo “Verde Sentido” e trazer novas ações de qualificação aos agentes do território do Baixo Tâmega.
Este projeto irá decorrer até agosto de 2022 e tem um financiamento aprovado de 425 mil euros, para um investimento de 500 mil euros.


O consórcio entre a AEA e a AMBT, para o território do Baixo Tâmega, permitiu ver aprovado em março último, o projeto BTinova 2.0. Recorda-se que este projeto já tinha sido alvo de financiamento em 2019, o que permitiu lançar o roteiro enogastronómico “Verde Sentido”, uma marca que associou os operadores turísticos, os restaurantes e as unidades hoteleiras, em torno da ideia de oferecer serviços de animação turística em parceria.

O projeto tem como objetivos a estruturação e posicionamento do Baixo Tâmega, enquanto destino turístico de excelência no segmento do enoturismo, através da qualificação do destino, bem como dos operadores privados associados ao Vinho Verde e ao capital endógeno, reforçando a visibilidade e incrementando os índices de competitividade e inovação das PME abrangidas.

Entre as ações definidas destacam-se a Conferência “Great Wine Capitals” (onde se prevê a participação de representantes das seis capitais da rede Great Wine Capitals - Porto, Bordeaux, Lausanne, Mainz, Verona e Bilbao); quatro sessões conjuntas de informação e sensibilização dos operadores privados para fatores críticos de competitividade; oito sessões conjuntas de sensibilização e informação para apoio à estruturação de programas de cross-selling de produtos e serviços; a participação em duas feiras nacionais e o lançamento do website e a APP “Verde Sentido”, permitindo dinamizar as ofertas turísticas de forma integrada, na Região.

Do projeto fazem parte os concelhos de Amarante, Baião, Marco de Canaveses, Celorico de Basto, que já estiveram na primeira fase do programa e que, nesta fase do BTinova 2.0, foi alargado também aos concelhos de Mondim de Basto, Cabeceiras de Basto e Resende.

 

 

DEST SERVICOS ONLINE

DEST SIG

DEST PDM 2 REVISAO

DEST ORCAMENTO PARTICIPATIVO

 

Agenda

DEST MAIS EVENTOS

Destaques

DEST CORONAVIRUS

DEST ASE LIVROS FICHAS

DEST LIVRO DOMINGOS OLIVEIRA

separador

DEST ALTERACAO SIMPLIFICADA PDM

separador

DEST PLANO DEFESA FLORESTA INCENDIOS

separador

DEST PROGRAMA VOLTAR

separador

DEST VESPA ASIATICA

separador

DEST PERIODO CRITICO

DEST CAMPANHA CONTRA INCENDIOS

separador

DEST APOIO ARRENDAMENTO URBANO

DEST CDM MEXA SE

DEST PART REDUCAO TARIFARIA

DEST HORARIOS TRANSDEV

 separador

DEST DIA DEFESA NACIONAL

separador

DEST CAMPANHA SENSIBILIZACAO

 separador

dest fatura eletronica agua

separador

DEST ARU
 separador

DEST PROJETOS COFINANCIADOS

separador

DEST ATAS REUNIOES CAMARA ASSEMBLEIA

DEST EDITAIS CONVOCATORIAS CAMARA ASSEMBLEIA

DEST ECONONIA EMPREGO

DEST 120ANOS RESTAURACAO CONCELHO