• Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio
  • Cabeçalho Inicio

ainfo 170809 aquisicao casa culturaO Município de Mondim de Basto aprovou na última reunião de câmara de 31 de julho, a formalização do Contrato Promessa de Compra e Venda do edifício da Casa da Cultura com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mondim de Basto.
A assunção deste compromisso surge no âmbito da candidatura que a autarquia apresentou ao programa comunitário Norte 2020, para desenvolvimento do projeto de requalificação e ampliação da Casa da Cultura.


O projeto da Casa da Cultura tem como objetivo reabilitar o emblemático edifício e ampliá-lo, modernizando o espaço de modo a acolher iniciativas culturais, sociais, educativas e recreativas. A intervenção proposta prevê também, a melhoria da eficiência térmica e energética do imóvel, e a consequente redução dos custos de utilização.

O Edifício da Casa da Cultura foi adquirido em 1926 com a finalidade de servir de sede da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários. Em 1933 a sala de convívio dos associados é enriquecida com uma máquina de cinema e uma radiotelefonia. Entre 1935 e 1939 foi criado o “Grupo Cénico de Teatro e Musical” que neste edifício realizou vários espetáculos, de grande êxito, cujas receitas contribuíram para a tesouraria da Associação Humanitária. A 21 de dezembro de 1988 este edifício deixa de funcionar como sede dos Bombeiros Voluntários, que nesta data inauguram um novo quartel-sede da Associação, o qual se mantém até aos dias de hoje.

Em maio passado, a Câmara Municipal adquiriu também o imóvel devoluto contíguo à Casa da Cultura, para que os trabalhos de requalificação e ampliação deste equipamento possam ser executados de acordo com o projeto contratado. O atual edifício em ruínas dará lugar a uma nova e moderna edificação permitindo, além da ampliação da Casa da Cultura, a requalificação da zona envolvente.

Recordamos que o projeto da Casa da Cultura está orçado em cerca de um milhão de euros e será financiado em 85% por fundos comunitários. Esta requalificação enquadra-se no âmbito do Plano de Ação de Reabilitação Urbana que, para além da reabilitação do edifício integra uma componente de animação urbana com vista à valorização dos espaços urbanos, à mobilização das comunidades locais e à promoção da atividade económica.

O compromisso de compra e venda do edifício aguarda agora pela aprovação da Assembleia Municipal.

DEST SERVICOS ONLINE

DEST SIG

DEST PDM 2 REVISAO

DEST ORCAMENTO PARTICIPATIVO

 

Agenda

DEST MAIS EVENTOS

Destaques

DEST CORONAVIRUS

DEST ASE LIVROS FICHAS

DEST LIVRO DOMINGOS OLIVEIRA

separador

DEST ALTERACAO SIMPLIFICADA PDM

separador

DEST PLANO DEFESA FLORESTA INCENDIOS

separador

DEST PROGRAMA VOLTAR

separador

DEST VESPA ASIATICA

separador

DEST PERIODO CRITICO

DEST CAMPANHA CONTRA INCENDIOS

separador

DEST APOIO ARRENDAMENTO URBANO

DEST CDM MEXA SE

DEST PART REDUCAO TARIFARIA

DEST HORARIOS TRANSDEV

 separador

DEST DIA DEFESA NACIONAL

separador

DEST CAMPANHA SENSIBILIZACAO

 separador

dest fatura eletronica agua

separador

DEST ARU
 separador

DEST PROJETOS COFINANCIADOS

separador

DEST ATAS REUNIOES CAMARA ASSEMBLEIA

DEST EDITAIS CONVOCATORIAS CAMARA ASSEMBLEIA

DEST ECONONIA EMPREGO

DEST 120ANOS RESTAURACAO CONCELHO